Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental

São Paulo, 23 de outubro de 2018

Periódicos > Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental > Volumes > Volume 18, número 4, dezembro de 2015

 

Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental, volume 18, número 4, dezembro de 2015

 

 

SUMÁRIO / CONTENTS

 

 

EDITORIAL

 

Missão da Psicopatologia Fundamental

Manoel Tosta Berlinck

Com as defesas das dissertações de Laerte Alves de Paula, Tomás Moraes de Abreu Bonomi e Thaís da Silva Pereira, realizadas em 2015, cujos textos completos encontram-se em www.psicopatologiafundamental.org, a Psicopatologia Fundamental comemora 20 anos de existência no Brasil.
Desde de que a invenção de Pierre Fédida, na Université de Paris 7 – Denis Diderot, foi doada ao Brasil em 1994, o Laboratório de Psicopatologia Fundamental do Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Clínica da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, criado em 1995, possibilitou a formação de 117 Mestres e Doutores, ou seja, a média de 5,85 profissionais por ano, contribuindo significativamente para o aperfeiçoamento do pessoal do ensino superior.
 
PDF portugês / PDF español
 
 
 
ARTIGO CONVIDADO / INVITED ARTICLE
 
The hermeneutics of mental symptoms in the Cambridge School

Massimiliano Aragona e Ivana S. Marková
 
Current Psychiatry is in crisis. Decades of neuroscientific research have not yet delivered adequate explanations or treatments. One reason for this failure may be the wrongness of its central assumption, namely that mental symptoms and disorders are natural kinds. The Cambridge School has proposed that a new Epistemology must be constructed for Psychiatry, and that this should start with the development of a new model of mental symptom-formation. ‘Mental symptoms’ should be considered as hermeneutic co-constructions occurring in a intersubjective space created by the dialogue between sufferer and healer. Subjective experiences (caused either by neurobiological or psychosocial upheaval) penetrate the awareness of sufferers causing perplexity and/or distress. To understand, handle and communicate these experiences, sufferers proceed to configure them by means of templates borrowed from their own culture. Importantly, however, the same neurobiological information can be configured into different symptoms; and different neurobiological information into the same symptom. Therefore, ‘mental symptoms’ are dissimilar hybrid combinations of neurobiological and cultural information. To be ethical, therapeutic interventions must take into account such dissimilarities. Blind manipulation of the brain in all cases should be considered as counterproductive.
 
PDF
 
 
 
ARTIGOS / ARTICLES
 
 
O infantil na constituição subjetiva: restos, escrita e narrativa

Germano Quintanilha Costa e Sonia Leite
 
O artigo descreve as trilhas do processo de constituição do psiquismo, como processo de inscrição de traços e da construção de um registro. Para tanto são introduzidos alguns aspectos fundamentais da teoria de Lacan: a falta do objeto, o traço, a letra, o significante, a repetição e o gozo. O objetivo principal é demonstrar que no campo da letra, no litoral entre o significante e o gozo, é possível delimitar com maior precisão o real estatuto da noção de infantil para a teoria e para a clínica psicanalítica, distinguindo-o, simultaneamente, da noção de infância.
 
PDF
 
 
 
Ouvir para se poder olhar dentro da clínica do autismo. De onde vem a voz que me faz existir?

Chantal Lheureux-Davidse
 
As crianças autistas ficam frequentemente absorvidas na procura de sensações que as façam sentir existir. Ela evitam o vínculo direto e não podem interiorizar uma segurança de ser. O lugar do terapeuta numa atenção cuidadosa, no ritmo da criança, fazendo imitações e comentários narrativos sobre o vivido da criança ajuda a despertar um sentimento de existir e um interesse pelo outro.
É a voz que atrai a atenção da criança, quando ela se integra de modo alegre e ritmado às emoções e aos interesses sensoriais ou estéticos da criança. A procura espontânea pela voz na origem dos comentários ajuda a criança a descobrir um interesse pelo olhar direto no rosto do outro.
 
PDF
 
 
 
A desconstrução da psicossomática na análise existencial de Heidegger e Boss

Ana Maria Lopez Calvo de Feijoo e Cristine Monteiro Mattar
 
O presente artigo coloca em questão a compreensão tradicional da psicossomática por meio da dicotomia soma e psique e a relação de causalidade presente nessa tradição para, então, mediante uma perspectiva crítica, propor outra compreensão, com base na fenomenologia - hermenêutica de Heidegger e a Daseinsanálise de Boss. Este coloca, ainda, em questão a denominação psicossomática que mantém a dualidade da qual se pretende libertar.
 
PDF
 
 
 
Adolescents and Facebook: Narcissus Without (an) Echo

Laetitia Petit, Anne Boisseuil e Sandie Iffli
 
After discussing the reasons for Facebook’s popularity among adolescents, we proceed by analyzing the different types of superego and their structure during the great psychic upheaval of this developmental period. The prevalent use of the logic of orality and anality by Facebook causes regression in adolescents and may provoke a de-eroticization or even a desexualization of the Oedipal superego. This puts the cultural and the archaic superegos to the forefront, which may ultimately result in complete avoidance of sexuality, as it is experienced as dangerous. All of these factors may threaten the structuring capacity of the categories of lack and desire.
 
PDF
 
 
Las implicancias psicopatológicas de la acedia en Evagrio Póntico

Santiago Hernán Vazquez
 
La presente comunicación intenta poner de relieve la contribución de Evagrio Póntico en la comprensión etiológica de ese padecimiento tan cercano a la melancolía moderna y a la depresión contemporánea, que él conceptualizó y sistematizó por primera vez: la acedia. Se ponen en relación con su aporte algunos elementos de la noción freudiana de melancolía y de la teoría de la autodiscrepancia acerca de la depresión, principalmente en lo que se refiere al rol del ideal del yo en el dinamismo etiopatogénico. En este contexto se evidencia la importancia histórica de la contribución evagriana que se anticipa a diversos planteamientos muy posteriores de la psicología y la psicopatología, e integra en una perspectiva espiritual la comprensión etiológica de la perturbación psíquica y su posible terapia.
 
PDF
 
 
 
CLÁSSICOS DA PSICOPATOLOGIA / CLASSICS OF PSYCHOPATHOLOGY
 
 
ARTIGO / ARTICLE
 
 
Os "psicopatas autistas" na idade infantil (Parte 3)

Hans Asperger
 
O desempenho de uma criança nasce de uma tensão entre dois polos: a produção espontânea e autônoma e a imitação de algo mostrado para a criança, a aprendizagem de conhecimentos e capacidades que os adultos já possuem. Ambas as coisas precisam existir na medida certa para que o desempenho tenha valor. Na ausência da produção própria ou, ao menos, da elaboração autônoma daquilo que foi assumido, o desempenho torna-se uma forma vazia, é apenas mecanizado superficialmente, existe somente na “forma de gestos”. Encontramos o distúrbio inverso no caso da inteligência autista.
 
PDF
 
 
 
HISTÓRIA DA PSIQUIATRIA / HISTORY OF PSYCHIATRY
 
 
ARTIGO / ARTICLE
 
 
 
Medindo o preconceito racial no Brasil: Aniela Ginsberg e o estudo das atitudes raciais

Marcos Chor Maio
 
Este artigo aborda um conjunto de trabalhos realizados por Ginsberg sobre as relações étnico-raciais no Brasil. Procuro demonstrar que o processo de inflexão da visão de Ginsberg centrado inicialmente em investigações de natureza comportamental passa gradativamente a mobilizar argumentos socioantropológicos para o entendimento das assimetrias raciais. Argumento que tal mudança decorreu sobretudo da influência dos estudos do psicólogo social e antropólogo Otto Klineberg, da Universidade de Columbia, ex-orientando de Franz Boas, professor do Departamento de Psicologia da USP entre 1945 e 1947, e severo crítico dos testes de inteligência e do valor heurístico do conceito de raça.
 
PDF
 
 
 
OBSERVANDO A PSIQUIATRIA / OBSERVING PSYCHIATRY
 
 
ARTIGO / ARTICLE
 
 
Modelos reducionista e multinível na esquizofrenia: alcances e limites

Stephan Malta Oliveira
 
O objetivo do presente artigo consiste em apresentar um modelo reducionista e o modelo multinível com relação à explicação etiológica dos transtornos mentais, a partir do exemplar da esquizofrenia, considerando-se os alcances e limites destes modelos. Ao final do artigo, são extraídas algumas implicações ético-políticas para a psiquiatria.
 
PDF
 
 
 
LITERATURA, PSICOPATOLOGIA / LITERATURE, PSYCHOPATHOLOGY
 
 
ARTIGO / ARTICLE
 
 
O espelho partido de Oscar Wilde

Marcus Rodrigues Jacobina Vieira e Elisa Maria de Ulhôa Cintra
 
Este artigo tece algumas considerações a respeito dos processos de luto e melancolia, dos desafios que surgem à elaboração de lutos e perdas. Foi inspirado na teoria psicanalítica e na leitura de alguns aspectos da vida de Oscar Wilde extraídos de sua biografia, escrita por Daniel Salvatore Schiffer, para iluminar a mesma problemática de inibição do luto, conduzindo à melancolia e ao empobrecimento da criatividade.
 
PDF
 
 
 
 
PRIMEIROS PASSOS / FIRST STEPS
 
 
ARTIGO / ARTICLE
 
 
A escrita como recurso terapêutico no luto materno de natimortos

Sabrina Lima e Ivelise Fortim
 
O trabalho teve como objetivo compreender se a escrita pode ser usada como recurso terapêutico no luto materno de natimortos. Foram analisados textos de três mães publicados em blogs, com base na teoria de Bowlby (apego e luto). A escrita foi compreendida como terapêutica, pois organiza a vivência traumática e elabora a perda invisível socialmente, além de ser o principal meio de manter a memória do bebê perdido.
 
PDF
 
 
 
 
RESENHAS BIBLIOGRÁFICAS / BOOK REVIEWS
 
 
Del Espacio de Entre-Psi, lazo de discurso entre psiquiatras y psicoanalistas

Blanca Bazzano
 
Que el deseo circule o no pueda hacerlo, con sus consecuencias, es el tema central de este libro, que se titula Fijezas pero, en contraposición, lo que se pretende es llegar a desmantelarlas. El subtítulo nos orienta de qué fijezas tratará: toxicomanía, acting out, pasaje al acto, anorexia, bulimia, masoquismo. ¡Alarmantes fenómenos!, paradójicos porque no son tales para el que los vive sino para los que tienen que hacer algo con ellos. Aquí se incluyen psiquiatras, psicólogos y psicoanalistas como a quienes se los supone capaces de poner en práctica las estrategias necesarias para un tratamiento eficaz.
 
PDF
 
 
 
 
A estética barroca da histeria: o feminino em questão

Lucia Maria de Freitas Perez
 
Percorrendo as páginas de Histeria: o princípio de tudo, da psicanalista Denise Maurano, parte da coleção Para ler Freud, organizada por Nina Saroldi e editada pela Civilização Brasileira, nos deparamos com um livro que vai além do objetivo de despertar o desejo de ler Freud e verificar a atualidade de suas construções. Somos brindados com uma demonstração do estilo singularíssimo de sua autora, que transforma a estética barroca em ferramenta de contextualização e chave interpretativa, imprescindíveis para melhor situar os fundamentos, a ética e a orientação que sustentam a teoria e a clínica psicanalíticas, das quais as histéricas foram fundadoras. Com vigor e força de transmissão, o trabalho contribui para os que iniciam suas incursões no campo psicanalítico e para os que, há muito, já se dedicam à causa do inconsciente.
 
PDF
 
 
 
 
INSTRUÇÕES AOS AUTORES / INSTRUCTIONS TO AUTHORS
 
 
 
REVISORES CONSULTADOS - 2015 / REFEREES CONSULTED
 
 
 
CAPA / COVER 
 
Capa:Teresa Berlinck
Imagem da capa: Ana Teixeira Daria (da série De perto ninguém é normal), 2015. Lápis de cor e aquarela sobre papel. 100cm x 70cm