Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental

São Paulo, 18 de agosto de 2019

Produção Científica > Teses > Mario Eduardo Costa Pereira

PEREIRA, Mario Eduardo Costa. Pânico e Desamparo. 1. ed. São Paulo: Escuta, 1999. 400 p. ISBN: 85-7137-142-3

Resumo: O pânico constitui, em última instância, uma estratégia singular de eliminação do horizonte do possível, no qual tudo o que é da ordem do terrível pode, efetivamente, se realizar. Tal estratégia consiste em tornar presente, imediato, aquilo que já assusta apenas por seu caráter de indefinição e que pode se concretizar sob a forma do "pior" (ainda que não se possa representá-lo).